Publicamos

IF consolida mapeamento de tecnologias de controle social no Rio Grande do Sul

01 Fev, 2018 01 Fev, 2018

IF consolida mapeamento de tecnologias de controle social no Rio Grande do Sul

Mais uma etapa do 2º Censo sobre Ações Municipais de Segurança Pública do Rio Grande do Sul, com ênfase nas Guardas Municipais, avança com a consolidação do mapeamento gaúcho das tecnologias de controle social implantadas no Estado. O Instituto Fidedigna (IF) lidera a pesquisa, que é desenvolvida em parceria com o Núcleo de Segurança Cidadã da Faculdade de Direito de Santa Maria (FADISMA).

Essa etapa do estudo técnico envolveu o uso de diversas técnicas de pesquisa quali e quantitativas junto aos 65 Municípios do Rio Grande do Sul que possuem ações mais articuladas no âmbito da segurança pública municipal.

Posteriormente à fase exploratória com a coleta e sistematização dos dados por meio do envio de questionário eletrônico, semiestruturado, com o apoio técnico da Sphinx Brasil, o IF e a FADISMA realizaram 170 entrevistas por telefone com diferentes gestores públicos municipais, com foco nas tecnologias de controle social utilizadas e seu impacto:

- 92% dos entrevistados conhecem o Sistema Integrado de Relações com os Municípios levado a efeito pelo governo estadual;

- 70% pretendem implementar ou ampliar seus sistemas de vídeomonitoramento;

- 71% dos Municípios pesquisados possuem até 30 câmeras instaladas, o que denota o forte impacto do então Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (PRONASCI), que financiava um kit de até 30 câmeras junto aos Gabinetes de Gestão Integradas Municipais;

- 84% dos pesquisados não possuem tecnologias que agregam inteligência à gestão dos sistemas tecnológicos, a exemplo de OCR.

A pesquisa na íntegra poderá ser acessada, gratuitamente, nos canais institucionais da FADISMA e do IF em abril de 2018!

Fique ligado!